quinta-feira, março 05, 2015

João Galamba deixa deputada do CDS-PP assarapantada


Intervenção demolidora de João Galamba em resposta a uma declaração do CDS-PP sobre a actualidade política:
    «(…) Senhora Deputada, se nós no PIB regredimos dez anos, se nós no emprego regredimos 20, sabe quantos anos é que regredimos no investimento? Regredimos 30 anos, estamos ao nível dos anos 80. E o investimento deste ano não só é medíocre (2,3%) como está em desaceleração, porque no último trimestre cresceu apenas 1,5%. Portanto, Senhora Deputada, podemos ter todas as discussões do mundo que quiser, mas há uma coisa que lhe peço: é que fale da realidade e não da efabulação da maioria.»
Eis o vídeo:

14 comentários :

Anónimo disse...

Socrates puderia dizer de Joao Galamba o que Brian Clogugh disse de Mourinho.
"there's a bit of young Brian Clough about him"

Anónimo disse...

Galamba: o futuro secretário de Estado da propaganda que irá foder a vida a muita gente. O futuro membro do Governo que irá negociar mais parcerias PP para o bolso do Paulo Campos que, coitado, vive da mesada da mãe. Esse não actuou, não leu, não viu, não sabe de nada. o Campo Pequeno para estes artistas do PS era pouco. Mas aqui a propaganda do Camara Corporativa também não sabe, não vê, e não actua. Os tolos que aqui vêm defender o PS desconfio que sejam amputados de cérebro. Que partido do medo. Que seita. que aldrabões. O João Tiago Silveira dizq eu anda a receber sugestões da sociedade civil. Há 4 anos, quando estava no governo, não sabia o que poderia fazer para mudar o país. Mas agora o beto de merda já sabe. Basta ouvir a sociedade civil. Que nojo de seita e partido este. Só merda. Só merda. Não há um que se aproveite.

Anónimo disse...


Ó Anónimo das 11:13, és mesmo um triste idiota completamente desesperado!
Coitado,chama depressa o 112!

Luís Filipe Miranda disse...

Este cobarde anónimo não pode ser enxotado daqui? Só por uma questão de higiene.

Anónimo disse...

cala essa matraca vesse logo que laranjinha podre foder e o teu patrao que esta farto de roubar os portugueses a ti pela tua con versa nao te fodeu deves ser daqueles que tambem comes de borla

Anónimo disse...

Tu deves ser um grande Faxista que tambem andas a comer a conta de todos nos por isso foder e esse nazi que nos governa e pelos vistos tambem comes da gamela do teu padrinho.

Mike disse...

Oh anónimo se não tens nada de jeito para trazer para a "conversa" cala-te porque calado és poeta e não demonstras tanto a burrice aguda que te ataca a cabeça ... urso!!!

Adelino Madeira disse...

Estes comentarios anónimos cheira-me a cobardia e mal dizer,critiquem bem,ou mal,mas deem a cara não sejam cobardes..

Adelino Madeira

Anónimo disse...

Quero ver o PS e o Joao Galamba a pronunciarem-se sobre o que se esta a passar com o BPI e com a pouca vergonha dos mais importantes activos ainda com algum centro de decisão em Portugal estarem a ser traficados e decididos pelo Eduardo dos Santos, sem um único sobressalto deste governo, do PR, da assembleia de deputados, ou da oposição. Cobardia e conivência vergonhosa. Tudo à espera do premio para o silencio.

Anónimo disse...

Lindo, isto parece um bar duma favela brasileira, onde os trabalhadores bracais brasileiro e beneficiarios do RSI, se reunem para jogar as cartas e cantar loas a Dilma.

Chega um gajo com uma opiniao razoavel, nao venezuelana, e parecem caes a atirarem-se aos tornezelos do homem.

Homem decente e saudável disse...



Esta caixa de comentários parece um saco de resíduos hospitalares aberto em cima da mesa das refeições

António Coelho disse...

Esse anónimo é cobarde senão dava a cara. E depois é do partido dos que têm roubado o povo PSD. Possivelmente ele deve ser boy e não foi roubado.

Anónimo disse...

Parolo

Mariana disse...

O insulto é o argumento de quem já não tem argumentos.
Fala-se mal e insulta-se João Galamba pessoalmente, mas não se escreve uma única linha a refutar o que Galamba disse. Prova provada de que Galamba e o PS tem razão e de que o doente das 11:13 devia aproveitar melhor o seu tempo e voltar a ir à consulta de psiquiatria em vez de estar na net a escrever baboseiras.