sexta-feira, julho 18, 2014

Entreposto comercial


Vários sinais indiciam que Carlos Costa, correndo agora atrás do prejuízo, está na situação do sapateiro que decide ir além do chinelo.

O caso mais recente foi hoje noticiado. O governador do Banco de Portugal terá aceitado ser um entreposto comercial, ao qual potenciais interessados em investir no BES se dirigem para dar conta das suas intenções. Aparentemente, esta notícia pretende transmitir a ideia de que estamos em presença de um governador diligente.

Acontece que a imprensa estrangeira desmente que os investidores estejam a bater à porta do governador. Diz-se que é o governador que, numa espécie de road show, anda a contactar investidores: El Banco de Portugal sondea el interés del Santander y otros bancos en el BES.

Depois de ter sido noticiado que o governador tem reuniões diárias com a administração do BES, agora sabe-se que faz diligências para a captação de investidores. Quando «chegar a hora» da supervisão bancária se pronunciar, quem estará em condições de o fazer?

10 comentários :

ignatz disse...

tou pra ver as facilidades que o regulador vai oferecer para se livrar do berbicacho, combinem lá um preço com os salgadinhos, adoptem a criança ca gente fecha os olhos aos impostos e à escrita e vejam lá se pintam aí uns lugares administrativos prá malta da corda, eu por exemplo devo ir de vela com o próximo governo.

james disse...

Lol. Bem apanhado.

Anónimo disse...

Vamos ver se, depois disto tudo, o BES vai parar às garras do Goldman Sachs... Um dos da troika nomeada pelo PSD para administrar o BES é um membro dessa máfia. O Borges já deu contas no outro mundo, mas ainda cá está o Moedas para ajudar o Rato. Isto anda tudo ligado.

So José disse...

Consta que Ricardo Salgado era frequentemente mal educado com os técnico da supervisão e recentemente disse que" já tinham passado por ele 8 ou 9 Governadores"

So José disse...

Consta que Ricardo Salgado era frequentemente mal educado com os técnico da supervisão e recentemente disse que" já tinham passado por ele 8 ou 9 Governadores"

Anónimo disse...

É o POTE no seu melhor

Anónimo disse...

E há o entreposto Costal.

http://www.ionline.pt/artigos/portugal/costa-abre-porta-aliancas-psd-se-passos-coelho-sair

Trinta anos a mudar caras,s empre com o mesmo coração.

Luis Cabrita disse...

Este governo e este governador é verdadeiramente inovador. Inventou uma nova forma de mentir, mudando apenas o tempo verbal de um verbo no conjunto da comunicação. Genial.

Anónimo disse...

Esta montada a tenda: na pratica vão "nacionalizar" o banco sem nunca dizerem que o nacionalizaram. Para venda ao desbarato. Já so dinheiro sujo lhe pega. Tudo combinado com Frankfurt-Bruxelas-Zurick-Amsterdam.... Nacionalizam pela intervenção e acção da governador Costa e cabeças de ferro Bento-Pinto-Rato, mas o estado português não manda nada, alias nesta fase nem querem ter papel. Só vamos comer os ossos.
Em menor escala, já não é assim com o BFB e o Luis Amado?

Anónimo disse...

Claro, não há Estado nenhum de jeito, nenhuma autoridade equitativa ou independente, esta tudo capturado, isto é tudo uma teia de interesses. Nomedos para isto e aquilo, agora aqui agora acola, representantes encapotados, um palhaçada de actores, negociadores, reguladores. Tudo amigalhaços.
Com o partido da oposição a fazer-se em frangalhos sob os nossos olhos.