sexta-feira, junho 13, 2014

Um murro violento num governo que está a desfazer o Estado

Duarte Nuno Vieira, professor catedrático da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra e presidente do Conselho Europeu de Medicina Legal, estava numa missão no Gana quando soube que Paula Teixeira da Cruz o tinha dispensado do Instituto Nacional de Medicina Legal, após o ter dirigido durante 16 anos. Agora, venceu — numa decisão aprovada por unanimidade — o que é considerado o Nobel das ciências forenses.

Desprezado pelo Governo, os conhecimentos de Duarte Nuno Vieira foram postos ao serviço da ONU. Como consultor para os Direitos Humanos e para a Reabilitação das Vítimas de Tortura, tem viajado por muitos países do mundo à procura de violações do direito humanitário e de sinais escondidos de tortura.

14 comentários :

james disse...

Para estes vigaristas é desprezível tudo o que seja ciência, cultura, investigação científica, conhecimento e arte.

Também olhando para o alegado primeiro-ministro e analisando o seu discurso pouco mais seria de esperar...

Anónimo disse...

Os medíocres só querem trabalhar com medíocres. Protegem-se uns aos outros.

Rosa disse...



Mais uma burrice da nossa "brilhante" ministra da justiça!!

João Madeira disse...

Se o estado está no topo da nação, ninguém se pode mostrar mais inteligente do que quem no topo está. Sendo esse mesmo topo nitidamente nivelado por baixo, muitos há a sacudir por cima. Alguém ganhará com isto, mas nunca o país.

Anónimo disse...

A memória desta gente é muito curta! Apenas 3 anos!
Afinal todos fazem o mesmo! Só querem os de confiança! É assim desde sempre, salvo muito raras exceções!

Anónimo disse...

Este Governo, caso fosse eleito, prometia água no nabeiro e sol na eira - o que nos deu foi miseria, desemprego (tenho 2 licenciados) estão desempregados e como esta há milhares pessoas desempregadas.

Para o Governo, este, 2012 era ano viragem, em 2013 mais uma dita viragem - em 2014 - mais desemprego, mais miséria, mas não preciso apelar ao Casino Estoril.

Esta rapaziada deve ir tomar banho durante 10 anos, pelo menos.

A Jornalista Rosa Oliveira disse de Espanha que a Casa Real custa 9 milhões e a Pr da Republica custa a nós, com ajudas de Custo - 19 milhões de euros e fora as viagens com acompanhantes - esta é diferença.

O Povo precisa de bons exemplos dos governantes o que não lhes é dado, bem pelo contrário, despesismo qb.

Borda d'Água

Luisa Gomes disse...

Parabéns a Duarte Nuno Vieira! Pelo seu valor profissional, comprovado pela ONU e por ter a oportunidade de "responder" sem palavras, ao Governo Português que em vez de ter orgulho na prata da casa, os demite ou manda emigrar! O nosso Governo não tem nível para governar e pior que isso, não sabe sequer identificar aqueles que poderiam ser preciosos para esconder os seus handicaps. Será que nestas ocasióes torcem a orelha, reconhecendo o erro que cometeram?

Maria de Lourdes disse...

Todos os medíocres escolhem os seus pares! Viva a Medicridade! Estaremos bem com esta gentinha???

Anónimo disse...

Era preciso mais um tacho para um jotinha ou para algum amiguinho do PSD. É só isso que move esta gente na distribuição de cargos publicos.
Neste momento posições chave no estado estão completamente minadas de gente desta laia : incompetentes e jotas.
Quando o PS chegar ao poder não deve cometer os mesmos erros que cometeu Socrates neste aspecto, e deve pôr esta gentalha toda a andar o mais rápido possivel.

Anónimo disse...

Este caso não é novidade,em Portugal sò os amigos dos amigos é que tem direito a ser reconheçido,mesmo sem terem o mérito, mas é em tudo,não importa a àreia.

Anónimo disse...

Concordo com todos os comentários anteriores e ainda acrescento. A lei diz que o presidente e os restantes membros da direcção do Instituto devem ser Professores de Medicina Legal.
Ora, a Ministra da Justiça fez uma limpeza tal que nem um (repito, nem um) Professor de Medicina Legal colocou a dirigir o Instituto.
Esta é talvez a pior e a mais desequilibrada Ministra da Justiça desde o 25 de Abril.

Teófilo Silva disse...

Os portugueses perderam o valor para o governo. Para o governo os únicos com valor são os chineses.

Alberto Barbosa disse...

FOI A MINISTRA DO PASSOS QUE O DESPEDIU

Alberto Barbosa disse...

FOI A MINISTRA DO PASSOS QUE O DESPEDIU