sábado, abril 18, 2015

O programa eleitoral de Passos Coelho para a Saúde




No debate parlamentar de ontem, Eduardo Ferro Rodrigues perguntou a Passos Coelho o que tinha a dizer sobre o caos nas urgências dos hospitais do SNS e sobre o comentário do secretário de Estado da Saúde, que não teve pejo em afirmar : «O que nós vimos foram pessoas bem instaladas». O alegado primeiro-ministro desmanchou-se a rir: é o divertido programa eleitoral do PSD para a Saúde.

5 comentários :

arebelo disse...

Atitude própria do psicopata que é a ausência de culpabilidade a par da imbecilidade que é já recorrente.

Anónimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Carlos Fonseca disse...

Agora imagine as consequências daquele riso parvo, com um Augusto Santos Silva, um Silva Pereira, um João Galamba, etc., etc., etc., como líderes da bancada.

O Coelho tinha levado uma coça, que só parava na toca.

Tenho consideração pessoal e política por Ferro Rodrigues. Mas a verdade é que ele está longe de ser um tribuno. E depois, aquele ar atrapalhado que o caracteriza, como se não estivesse à vontade na função...

Enfim, um erro de casting!

Pedro Carrilho disse...

Enquanto não criminalizarem esta máfia que está no poder vao continuar a assassinar os nossos pais e avós nas urgências hospitalares, e ainda gozam na tv, é a impunidade total desta corja que os faz atuar assim, mas ninguém é imortal, !

Prof. Buíça (Séc. XXI) disse...



Sempre ouvi dizer que uma descompostura numa cara sem vergonha é uma barrigada de riso...


E a verdade é que isto já não vai lá com descomposturas. Nem sequer com chicotadas! Isto só já se resolve de lâminas afiadas para cima.