terça-feira, Fevereiro 14, 2012

És tu, Vasco?



Através da Resolução do Conselho de Ministros n.º 17/2012, é hoje nomeado um autêntico cabaz de “gestores” de fundos comunitários no âmbito dos programas operacionais “Potencial Humano”, “Fatores de Competitividade” e “Valorização do Território”:



Provavelmente, estarei a ser injusto no destaque, mas, que diabo!, Vasco Campilho representa o reconhecimento dos valores que brotam da blogosfera — e é a prova provada de que investigações académicas “no domínio dos Partidos Políticos e Memória Coletiva” podem ser da maior utilidade na gestão dos fundos comunitários.

Estão de parabéns o Vasco Campilho e, naturalmente, o Forte Apache, através do qual ele pôde mostrar as suas capacidades na área da administração pública, em particular na boa gestão dos fundos comunitários.

14 comentários :

praianorte disse...

O silencio de Antonio Pina:

Tenho cá para mim que o RELVAS é o mentor do fim da coluna de opinião de Antonio Pina no JN. Os seus braços censuriais chegam longe...

Anónimo disse...

Censura? E no tempo da socratice havia o quê? Por acaso a corja socrática já se esqueceu do que se passou na TVI em 2009? Por acaso a socratice já se esqueceu dos processos que o filosofo brindou alguns jornalistas por pensarem de maneira diferente e denunciarem as trapalhadas? Curioso nenhum deles (jornalistas) foi condenado. Já se esqueceram quando o filosofo foragido ligava aos directores de informação aos berros e a ameaçar os ditos? Isso era o quê? Já se esqueceram do saneamento da MMGuedes e de tentativa idêntica de Mário Crespo? Tenham dó de uma vez por todas.

João das Regras disse...

Manuela Moura Guedes e debate de ideias nunca se misturaram. Quiseram-na promover a um pseudo-bastião do jornalismo sério e intelectual, saiu-lhes o tiro pela culatra.

Mário Crespo? Deixem-me rir, ó ignorantes estarolas. Esse queria tacho como adido cultural da embaixada portuguesa nos EUA, que a SIC Notícias é secante e os ares de Portugal não chegam para o monstro Crespo.
Como não lhe deram a chucha, fez aquele estardalhaço todo, todas aquelas figuras ridículas na AR e na televisão. Tantos jovens sem emprego e tantos estagiários na AP a serem mandados embora, mas o Crespinho queria o seu tachinho.
Por ter feito tamanha figura de "troll", Crespo merecia era um soco nas ventas, isso sim. Detesto moralistas da treta; se forem moralistas com presença mediática forte e ainda forem chorões por cima - como o Crespo - mais os abomino.

Anónimo disse...

Anónimo: E por acaso a campanha desses jornalistas tinha algum fundamento? Ou eram meras calúnias e insinuações ou vingança política via jornalismo?

Anónimo disse...

Parece mesmo um daqueles fedelhos da série Morangos com Açucar...está entregue o país à bicharada, é por isso que está a afundar a toda a velocidade.
Mickaela Passoika

Anónimo disse...

Gostava mesmo era que o anónimo assessor nos provasse se houve suspeitas de despedimento por delito de opinião a algum desses jornalistas que menciona. É que no caso de Relvas houve despedimento.
Quanto á Bouca Guedes, por amor de deus, se considera aquele lixo uma jornalista estamos conversados.Foi despedida porque era estupida e porque o programa que apresentava era desprovido de qualquer credibilidade, manchando a reputação da TVI (que não já era boa de qualquer modo).
Por ultimo, tivemos uma comissão parlamentar sobre o caso Crespo , com escutas e tudo e que eu saiba ninguém chamou Socrates a depor...
Tenha santa paciencia e faça o trabalho de casa, que para spinar contra informação é preciso estudo.

Anónimo disse...

mas não é só o campilho, temos também um novo marques guedes. tudo em família portanto.

(a manela? o crespo? ahahahahahaahahahahaha.
a manela, como sabem, voltou para a tvi logo que o socras se foi embora. o crespo é uma indigência mental colossal: agora acusou o ministro das finanças alemão de má conduta com o gaspar por, no diálogo que todos conhecemos, ter permanecido sentado. é a comédia que nós agora temos)

Anónimo disse...

O anónimo das 3:43 anda baralhado pois não aponta nada de concreto, apenas lança suspeitas
Em relação a MMG digo que de jornalista tem pouco. Foi deputada do CDS-PP e nunca despiu a pele de partidária nem tanpouco foi imparcial.

arebelo disse...

O Crespo foi o quê?Actualmente é o que se sabe,às sopas do Balsemão vai ganhando (mal)a vida e se não fora doutra filiação com a isenção evidenciada e com a cena da "censura"numa AR onde tudo se permitiu,era posto a andar para um qualquer "povo livre".No passado,foi um ignominioso porta-voz da Renamo,um bando de assassinos e corruptos que raptava crianças nos aldeamentos que drogava para as chacinas de convencimento de "aderentes".Basta sobre o estofo moral do coiso?

FNV disse...

Quem posa assim devia passar primeiro por minha casa: 3 mess de press de banco, 2 séries de 10 repetições até chegar aos 70kg/levantamento.
Depois podia mostrar os ombros.

Teófilo M. disse...

O Forte Apache é onde estão aqueles índios todos a fazer uma grande coboiada não é?
Muito eu gosto de ver os direitolas a mandar bitaites contra os tachos e depois andar a agarra-los à velocidade da luz.

Anónimo disse...

Q foto ridicula!

Gonçalo disse...

A publicação da foto era desnecessária, não acrescenta nada ao conteúdo do post e serve apenas para apequenar quem o publica. Fotos ridiculas temo-las todos, publicá-la neste contexto é mesquinho.

seca-adegas disse...

Um belo espécim de macho lusitano... só lhe falta arranjar uma beta parideira e ter 3filhos.