terça-feira, outubro 06, 2015

João Araújo, advogado de Sócrates:
«O que o Ministério Público quer esconder
não é o que está no processo, é o que não está»

6 comentários :

Anónimo disse...

Não estão as provas e essas são fundamentais para a acusação. São também a maior evidência de que Sócrates foi preso para continuar a ser investigado mas com uma condenação pública , antecipada. Um preso político , objecto de vingança de mentes vis que pululam no nosso sistema de Justiça.
A reportagem da Visão sobre o 'Alexandrino' é muito elucidativa do carácter da personagem e dos seus objectivos: VINGANÇA .

Fernando Romano disse...

Esta acusação de João Araújo é demolidora! Reduz a fanicos a PGR e os juízes Rosário e Alexandre.Este processo é uma infâmia pública! O Conselho Nacional da Magistratura e o Presidente da República não sentem o mínimo de vergonha sobre o que se está a passar? Não é por demais evidente que o Rosário e o Teixeira devem ser de imediato afastados do processo? A justiça portuguesa está a tornar-se um ameaça à democracia e à vida política.

Não há nenhum deputado com coragem para levantar alto e bom som este caso na Assembleia da República? Para envergonhar a cobarde "classe" política, as instituições e o próprio Presidente da República. Não há mesmo nenhum deputado que suba ao palanque e se interrogue publicamente na Casa da Democracia?



Anónimo disse...

Deixem-nos expor-se... Deixem-nos mostrar os rabiosques... Quanto mais, melhor.

Continuem a lutar. Não arredem pé. Continuem, continuem, continuem. Não desistam.

fernando disse...

Caro Fernando romano qd o Costa se cala e coloca tudo na "justiça" querem o que?

manuelpereirabarros Meira disse...


Até os ratos,quando o vêem tombado e doente,mordem o leão...

Miguel Abrantes disse...

manuelpereirabarros Meira: quem é que entende que está «tombado e doente»?